sábado, 25 de agosto de 2007

Histórias sem endereço


Por Larissa Florencio
Preconceito e discriminação são palavras presentes na dia-a-dia dos moradores de rua.
O vídeo-documentário Minha Rua, Minha Casa, que traz para as telas histórias sobre as pessoas em situação de rua, teve sua pré-estréia na última terça-feira (21) na Universidade Imes em São Caetano do Sul.
Produzido por alunos do 4º ano de Jornalismo da Universidade, o documentário é recheado com depoimentos de personagens que viveram ou que ainda vivem nesta situação. Como é o caso do personagem principal, ex-morador de rua Sebastião Nicomedes de Oliveira de 38 anos. Ele conta que após sofrer um acidente no trabalho e ficar hospitalizado, acabou com uma situação financeira muito difícil, o que fez com que ele, antes dono de uma empresa de Comunicação Visual, optasse por viver em albergues, pensionatos e até mesmo nas ruas.
O trabalho Minha Casa Minha Rua além de contar algumas histórias, também mostra alternativas e a rotina de algumas das 10 mil pessoas em situação de rua em São Paulo.
Minha Casa, Minha Rua terá estréia na segunda quinzena de outubro na própria universidade, durante a semana de exposição de trabalhos de jornalismo.

Um comentário:

Prof. Arquimedes disse...

Bom texto e título criativo. Seria bom dizer o nome dos autores do TCC em algum local do texto.