quarta-feira, 26 de setembro de 2007

Sim, eu moro na 25 de março.




Todo mundo a conhece. Todo mundo a visita. A 25 de março é uma das mais movimentadas ruas comerciais de SãoPaulo, mas quem de nós sabe o que acontece na hora em que não há compradores, camelôs, assaltos eprincipalmente barulho?

Pensando em responder esta pergunta, os estudantes Melina Cardoso, Kátia Lopes, Thaiz González, PriscilaMarques, Fabrício Bomfim, Thiago Francisco e Thiago Magnanide, do 4º ano de jornalismo da Universidade IMES(São Caetano do Sul) decidiram produzir o rádio-documentário “Eu moro na 25 de março”.

Este trabalho mostrará que a famosa rua que movimenta o comércio paulistano ilegal, há também pessoas que moramno local.A partir desta temática, o documentário mostrará as dificuldades, curiosidades e facilidades de quem ajudoucompor a história desta rua.Tudo isso será apresentado durante o mês de outubro, também na Universidade Imes.


João Rodrigo Brasiliense

Um comentário:

Prof. Arquimedes disse...

OK, mas não esqueça de incluir fonte primária no próximo texto.