terça-feira, 25 de setembro de 2007

Outra visão da 25 de Março


Por Rafael Munhoz Mestrello

Muita gente conhece a 25 de Março como um dos pontos mais agitados – se não o mais – da Grande São Paulo. Ali, são realizados muitos tipos de comércio, desde o formal, até o informal. Predominam a venda de eletrônicos, mas existem vários tipos de lojas no local. Até aí, quase todo mundo sabe. Mas, como é a vida dos moradores desta famosa rua?

Pois bem, este é o enfoque do Trabalho de Conclusão de Curso de alguns alunos do 4° ano de Jornalismo da Universidade IMES, de São Caetano do Sul. Eles tentam mostrar, através de um documentário de rádio, uma outra visão da 25 de Março: a dos moradores.

O rádio-documentário “Eu moro na 25 de Março” pretende promover uma visão mais curiosa do local, onde muita gente passa por dia, mas nem se lembra que existe gente que, em meio ao comércio, mora e tem toda a sua vida ali.

Para chegar ao resultado final, foram feitas muitas visitas ao local, entrevistando moradores, ex-moradores, moradores de rua, historiadores, políticos, comerciantes, entre outros.

A prévia de como ficará o documentário foi apresentada na última terça-feira (dia 18 de setembro), no Prédio D da Universidade IMES. Os integrantes também participaram de uma coletiva para a imprensa, onde foram respondidas perguntas sobre o trabalho e curiosidades. O lançamento oficial acontecerá na metade de outubro. Até o momento, a data ainda não foi definida.