terça-feira, 25 de setembro de 2007

25 DE MARÇO: MUITO MAIS QUE UMA RUA


Por Diego Fuzo Garutti

Que comerciantes que nada. Para muitos a rua 25 de Março é destinada apenas para o comércio, mas não é esta a realidade do local. Um grupo de estudantes do 4º ano de graduação em jornalismo da Universidade Municipal de São Caetano do Sul (IMES) produziu um rádio-documentário que irá desvendar esta lenda paulistana.

A pré-estréia do documentário aconteceu na última terça-feira (11), na própria universidade. Os alunos Fabrício Bomfim, Kátia Lopes, Melina Cardoso Thiago Francisco, Thiago Magnani e Thaiz Gonzáles irão levar os ouvintes ao “coração” comercial de São Paulo para juntos entenderem este fenômeno que se chama: Rua 25 de Março.

A produtora Melina Cardoso explica como o grupo chegou neste tema: “Nós procuramos em trabalhos acadêmicos, livros, arquivos de jornais e outros veículos de comunicação e não encontramos nada que falasse do morador da 25 de março e isso só aguçou ainda mais o grupo”.

O documentário irá contar a história da rua, mas seu objetivo principal é abordar como é morar na rua mais popular do Brasil. Barulho e movimento são apenas algumas das “pedras” no sapato destes moradores, que mesmo assim relutam em sair do local. Seus principais vizinhos são: 1.269 lojas, milhares de camelos, 16 estacionamentos e muitos, mas muitos visitantes.

A estréia do rádio-documentário “Eu Moro na 25 de Março” acontece no mês de outubro no auditório do IMES. Mais informações pelo telefone 4239-3230.

Um comentário: