terça-feira, 25 de setembro de 2007

Alguém mora lá?

Se você pensa que na Rua 25 de março só têm lojas, então não perca o rádio-documentário “Eu moro na 25 de março”.







Apitos, preços baixos, agitação, pechincha e arrastões da polícia, o famoso “rapa”. Você sabe do que estou falando? Acertou se disse que se trata do maior shopping a céu aberto da América Latina: A Rua 25 de março. Mas você sabia que muito mais que lojas, camelôs e armarinhos, dessa barulhenta e agitada Rua esconde um núcleo de moradores? Pois é, isso é algo desconhecido pela população, e foi pensando nisso que um grupo de 8 alunos do 4º ano de jornalismo da Universidade Imes em São Caetano do Sul produziu um rádio-documentário intitulado “Eu moro na 25 de março”.
O trabalho vai apresentar histórias de moradores deste shopping a céu aberto e como eles conseguem ou tentam conviver com o barulho incessante da rua de maior comércio do Brasil que possui 1269 lojas formais e 16 estacionamentos.
Além de contar histórias de moradores, o rádio-documentário irá contar também um breve percurso histórico da 25 de março, mas é claro que o intuito principal dos universitários é mostrar dificuldades, facilidades e curiosidades dos moradores da agitada e barulhenta rua 25 de março, que arrecada com seu comércio 10 bilhões de reais por ano.
Uma das dificuldades apresentada pelo grupo foi encontrar material didático ou em mídias que retratassem sobre os moradores da 25 e isso foi o que aguçou o interesse do grupo, como comenta a integrante Melina Cardoso.
Se você perdeu a pré-estréia que ocorreu na última terça-feira (17) nas dependências da própria Universidade, não tem problema, você poderá acompanhar na integra o rádio-documentário “Eu moro na 25 de março” na 2ª quinzena do mês de outubro, sem data definida até o momento.
Kelly Lira