sexta-feira, 21 de setembro de 2007

Rua 25 de março ganha destaque em rádio-documentário


Com 1.269 lojas e 16 estacionamentos o shopping a céu aberto, como é chamado por comerciantes e freqüentadores é a maior e mais conhecida rua de comércio popular do Brasil.
Em época de festas natalinas ou de carnaval essa rua chega a comportar um milhão de pessoas entre as calçadas para olhar produtos e fazer compras.

“Moradores da Rua 25 de março” é o foco do Tcc do grupo composto por Melina Cardoso, Thaís Gonzáles, Kátia Lopes, Priscila Marques, Fabrício Bonfim, Thiago Francisco e Thiago Magnani.
No início da apresentação, a integrante do grupo Thaís Gonzáles distribuiu apitos como press kit e o release para os alunos presentes.
O objetivo do trabalho é mostrar como as pessoas que moram na rua mais famosa do comércio vivem e se adaptam com todo o corre-corre e barulho do local.

O rádio-documentário recebe o nome “Eu moro na 25 de março” desenvolvido pelo grupo sintonia.
A intenção é transportar ao ouvinte todo estresse, ruídos, curiosidades e histórias ditas por quem já viveu e por pessoas que ainda vivem por lá.
O trabalho começa com um histórico do lugar, das dificuldades, das facilidades que a rua proporciona ao morador.

“Debaixo de chuva, íamos de barraca em barraca perguntando se alguém conhecia alguma pessoa que morasse ali, e a resposta era sempre a mesma,” não “. Logo, com a ajuda de catadores de papelão e de lixeiros conseguimos nossos depoentes” lembra Melina.
As dificuldades do grupo primeiramente foram adquirir fontes, tempo para juntar o grupo para reuniões e finalmente cortar as sonoras das entrevistas.
O grupo teve ajuda de professores do Imes e não tiveram problemas com gastos em relação ao trabalho.
Foi sorteada uma caneta e um par de brincos para os alunos mediante a perguntas sobre o tema e a pré- estréia foi fechada com discussões e perguntas dos alunos e professor.

Um comentário:

Prof. Arquimedes disse...

OK, faltou o quando...

Dica: lixeiro é considerado pejorativo, use coletor de lixo...