terça-feira, 25 de setembro de 2007

25 de março: abrigo de comerciantes, será?

Por Leandro Amaral
Quem nunca ouviu dos pais: " Hoje vamos fazer compra na 25 porque lá é mais barato." Mas, além de toda diversidade de produtos espalahdos pelas lojas e pelos camelõs, existe uma questão que poucos pararam para analisar: Há moradores de rua no local?

Mesmo com parlamentares do legislativo da cidade afirmando que não, o trabalho de conclusão de curso dos alunos do 4º ano de Jornalismo da Universidade Municipal de São Caetano do Sul (IMES), prova o contrário.

Na prévia,apresentada na última terça-feira (18), foi anunciado o rádio-documentário, que tem o objetivo de mostrar um lado desconhecido da rua paulistana.

É, mas não foi fácil, poucas referências bibliográficas dificultaram a elaboração do trabalho como foi destacado pelos integrantes do grupo.

A produção conta detalhes nunca reparados antes, como a falta de padaria na 25 de março. O trabalho ainda conta com depoimentos de historiadores, políticos, comerciantes, e especiliastas.

O documentário "Eu Moro na Rua 25 de Março", será exibido na íntegra na segunda quinzena de outubro, na Universidade IMES, em São Caetano do Sul.

Um comentário:

Prof. Arquimedes disse...

Quem são os autores?
Não tem aspas deles?