quarta-feira, 26 de setembro de 2007

MUITO ALÉM DAS COMPRAS




Estudantes produzem rádio-documentário abordando a vida de moradores da Rua 25 de março
Você já imaginou morar na Rua 25 de março? O maior shopping a céu aberto da América Latina, uma das ruas mais freqüentadas e conhecidas por pessoas do Brasil inteiro e que movimenta cerca de 10 bilhões de reais ao ano.
Esta foi a base para o trabalho de conclusão de curso de um grupo de alunos da Universidade Imes, que apresentou na terça-feira 18/09 uma mostra de seu rádio-documentário, uma reportagem que vai além de uma rua repleta de lojas, de armarinhos, de camelôs e de ofertas tentadoras e que pretende na verdade abordar a vida de pessoas que moram na Rua 25 de março.
O grupo composto por Melina Cardoso, Kátia Lopes, Thaiz Gonzáles, Priscila Marques, Fabrício Bonfim, Thiago Francisco e Thiago Magnani conta que a decisão do tema partiu de seu ineditismo, pois nunca se ouviu falar de moradores na Rua 25 de março.
O rádio-documentário traça um percurso histórico da rua, fala de segurança, e de sua arquitetura desde os anos 1800, mas o foco principal é relatar as dificuldades, facilidades e curiosidades de se morar numa rua em que ao abrir sua janela o morador se depara com um mar de gente.
Segundo a aluna Melina Cardoso o grupo decidiu o veículo rádio pela criatividade, tanto de quem produz quanto para quem ouve.
Os futuros jornalistas, que fizeram uma intensa pesquisa e entrevistaram cerca de 60 pessoas, afirmam já ter conseguido negociar a veiculação do rádio-documentário na rádio ABC.
No final da apresentação os estudantes sortearam brindes para os colegas comprados na 25 de março.
O rádio-documentário “Eu moro na 25 de março” tem sua estréia programada para a segunda quinzena de outubro na própria Universidade, localizada a Avenida Goiás, 3400, São Caetano do Sul.
]
Por Ana Carla Molina

Um comentário:

Prof. Arquimedes disse...

Texto bem legal. Tem alguns escorregões no uso de vírgulas...