quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Para não confundir



Por Felipe de Paula

A jornalista Janaína de Souza apresentou no último 02, na USCS, sua monografia intitulada “Jornalismo cívico e jornalismo cidadão: um estudo sobre suas características e diferenças”.

O jornalismo cívico surgiu nos Estados Unidos na década de 90, fruto da descrença da população com a cobertura das eleições presidenciais. “Nesse caso você tem que tomar partido por uma causa e trabalhar por ela”, explicou Janaína, fazendo referência à proposta dessa vertente de se engajar numa campanha/causa e divulgá-la em suas edições.

Já no jornalismo cidadão o conceito é bem diferente: o público/leitor tem a oportunidade de ver o material que produziu sendo publicado por uma grande empresa de comunicação. Uma iniciativa de sucesso do site coreano “Oh, my news” espalhou pelo mundo a idéia de publicar textos dos internautas, chegando inclusive no Brasil nos portais Terra e IG com o “Vc repórter” e o “Minha notícia”, respectivamente.

O trabalho da jornalista explica o surgimento desses dois estilos e como eles vêm sendo praticados em algumas instituições de comunicação brasileiras, com exemplos práticos.